Harmonização de vinhos e pratos: as melhores combinações

150

Na hora de fazer a harmonização de vinhos e pratos, a combinação certa pode elevar as características do vinho e potencializar o sabor da comida. Entretanto, a combinação errada pode anular os sabores de ambos.

Por isso, não basta apenas combinar seu vinho preferido com todos os tipos de pratos. Para valorizar o que cada um tem de melhor, é preciso conhecer algumas dicas básicas de harmonização de vinhos.

Se você é iniciante no assunto, continue a leitura! No blog de hoje, vamos apresentar um guia rápido de harmonização de vinhos e pratos para você colocar em prática no seu próximo jantar ou almoço. Confira!

Dicas básicas para harmonização de vinhos e pratos

Quando se trata de encontrar a combinação perfeita de vinho e comida, é importante considerar dois fatores essenciais: o corpo e a doçura. 

Como regra geral, a ousadia no vinho deve ser acompanhada pela ousadia no sabor. Ou seja, para massas ricas ou carnes vermelhas, procure vinhos encorpados; para pratos leves de frango ou peixe, prefira um vinho branco.

Não é à toa que estas combinações funcionam tão bem. Os vinhos tintos, por exemplo, harmonizam com carnes vermelhas devido a sua capacidade de amolecer as proteínas da carne e ajudar a refinar o sabor da gordura. 

Já os vinhos brancos combinam bem com carnes leves, como o peixe, porque os ácidos do vinho melhoram o sabor do alimento, tornando-o mais fresco. Semelhante à forma como o limão é espremido sobre o peixe para melhorar o sabor, o vinho branco pode ter o mesmo impacto por causa de sua acidez.

Leia também  Como escolher vinho de qualidade

Mas, se você estiver fazendo um prato picante, prefira combiná-lo com um vinho mais doce ao invés de um vinho seco. A doçura do vinho ajuda a equilibrar a experiência de calor da comida picante.

Saiba mais: regras para harmonizar vinhos.

As melhores combinações com vinhos

Se o seu próximo jantar ou almoço já está marcado e você não tem tempo para encontrar a sua harmonização preferida, aqui estão algumas combinações com vinhos que são à prova de falhas:

Vinho Pinot Noir combina com sabores terrosos

Se você estiver cozinhando um prato com cogumelos e trufas, um Pinot Noir leve irá complementar os sabores da terra na medida certa.

Vinho Pinot Noir Vin De France
Sugestão Festval: Vinho Pinot Noir Vin De France

Vinho Chardonnay para peixes e molhos ricos

O Chardonnay é tipicamente um vinho seco, de corpo médio e com sabores frutados. Isto o torna o companheiro perfeito para pratos leves e delicados com peixe, bem como para molhos cremosos e ricos.

Vinho Santa Ema Amplus Chardonnay
Sugestão Festval: Vinho Santa Ema Amplus Chardonnay

Champanhe com pratos salgados

O Champanhe é bastante seco, o que significa que o sal equilibra a acidez, proporcionando uma refeição refrescante e equilibrada.

Champagne Veuve Clicquot Brut
Sugestão Festval: Champagne Veuve Clicquot Brut

Cabernet Sauvignon com carnes vermelhas

O Cabernet Sauvignon é um vinho tinto ousado. O alto tanino atua como um limpador de paladar, tornando-o complementar às carnes vermelhas gordurosas.

Vinho Cremaschi Furlotti Gran Reserva Cabernet Sauvignon
Sugestão Festval: Vinho Cremaschi Furlotti Gran Reserva Cabernet Sauvignon

Malbec para sabores de churrasco

Molhos de churrasco tendem a ter sabores doces e salgados. Então, se você pretende grelhar um pouco de carne vermelha na churrasqueira, experimente harmonizar o prato com um vinho mais encorpado, como o Malbec.

Leia também  Tudo sobre os espumantes brut: guia para iniciantes
Vinho Argentino Norton Malbec D.O.C.
Sugestão Festval: Vinho Argentino Norton Malbec D.O.C.

Riesling para pratos apimentados

Para pratos apimentados, é preciso ter um cuidado extra com a escolha do vinho. Isto porque a escolha errada pode incendiar o paladar de todos. 

Nestes casos, escolha um vinho branco meio seco como o Riesling. A doçura do vinho ajudará a compensar o calor da comida.

Espumante Brasileiro Branco Riche Demi-Sec Riche Chandon Chardonnay Riesling Pinot Noir Italico Serra Gaúcha
Sugestão Festval: Chandon Chardonnay Riesling Pinot Noir Italico Serra Gaúcha

Sauvignon Blanc para pratos de queijo

O Sauvignon Blanc é um vinho fresco, leve, com muita acidez e sabor cítrico. Esta é a melhor combinação para pratos mais leves com queijos sutis, como feta ou queijo de cabra.

Vinho Chileno Balduzzi Reserva Sauvignon Blanc
Sugestão Festval: Vinho Chileno Balduzzi Reserva Sauvignon Blanc

Harmonizar vinhos e pratos não é um mistério!

Se você está lutando para encontrar a harmonização de vinhos e pratos ideal, a melhor dica que podemos oferecer é: não tenha pressa! 

Embora a harmonização de vinhos possa parecer uma ciência difícil de entender, com o tempo e a prática você conseguirá identificar perfeitamente a harmonia entre os sabores do vinho e dos alimentos.

Mas, se restar qualquer dúvida, use este guia como ponto de partida para as suas próximas combinações.Independente da sua escolha, conte com a adega do Festval! Visite nossa loja virtual ou vá até uma de nossas unidades e peça o auxílio de  um de nossos especialistas para ajudá-lo na escolha do vinho ideal para a sua ocasião.

Fechar
Your custom text © Copyright 2022. All rights reserved.
Fechar